• 08 Mai 2015

Há vagas no mercado de comunicação, afirma jornalista

Seja nos meios de comunicação tradicionais ou nas novas mídias digitais, precisa-se de jornalista. "Se o mercado fosse um estabelecimento, ia ter uma plaquinha de "Há vagas" na porta",  afirmou o jornalista Marcus Toledo, que conversou sobre a profissão com  os alunos do terceiro ano no último Em Contato com o Mercado, nessa quarta-feira  (06).

A informação, segundo Toledo, "é um valor extremamente importante na sociedade atual". Ou por curiosidade ou por conhecimento, o jornalismo faz parte do nosso dia a dia.  Portanto, as áreas de atuação desse profissional são inúmeras: televisão, rádio, jornal impresso, assessoria de imprensa, sites de notícia e redes sociais.

E para quem ainda questiona se é mesmo necessário cursar Jornalismo numa faculdade por não ser obrigatório o diploma para exercer a atividade, Marcus Toledo ressaltou que nenhum meio de comunicação contrata profissionais sem formação acadêmica na área. "Sempre vai haver espaço para especialistas em outras áreas nos veículos de comunicação, mas até eles precisam de orientação de jornalistas", defende.

Em Contato com o Mercado

No projeto "Em Contato com o Mercado", comandado pela psicóloga Samyra Rebêlo, os alunos do terceiro ano do ensino médio se informam sobre cursos e mercado de trabalho de diversas áreas em palestras com profissionais convidados. Na unidade Jatiúca, o encontro acontece sempre às quartas-feiras, no horário do intervalo. No Farol, o projeto acontece  às sextas-feiras, também no horário do intervalo. 

Comentários